Últimas Notícias

HJV promove Programa de Desenvolvimento de Lideranças

Atividades, que começaram no fim de 2019, foram retomadas

HJV traz números de julho no Boletim COVID-19

Acompanhe a evolução dos casos suspeitos e confirmados no hospital

Agosto Dourado: HJV reforça boas práticas para aleitamento materno bem-sucedido

Orientação profissional é importante para as mães

Ações do Serviço de Nutrição levam bem-estar a pacientes e profissionais

Mensagens acompanham refeições e lanches

Boletim COVID-19 do mês de junho

HJV apresenta dados de atendimento e internação

Agosto Dourado: HJV reforça boas práticas para aleitamento materno bem-sucedido

Profissionais realizam treinamento

Até o dia 07 de agosto comemora-se a Semana Mundial de Aleitamento Materno, criada para informar e engajar pessoas em todo o planeta sobre os benefícios da amamentação. Melhor e mais completo alimento para os recém-nascidos, o leite materno contém todos os nutrientes e proteínas de que o bebê precisa até o sexto mês de vida. Amamentar os bebês imediatamente após o nascimento pode reduzir a mortalidade neonatal – aquela que acontece até o 28º dia de vida – além de auxiliar nas contrações uterinas, diminuindo o risco de hemorragia, além de fortalecer o vínculo entre mãe e filho.

A pedagoga Janaína Menezes estava receosa frente à amamentação de sua primeira filha. Depois de receber as orientações da equipe do Hospital Jorge Valente (HJV), ganhou firmeza e prática. “É gratificante saber que podemos nutrir um ser tão pequeno. A mãe tem que se entregar a esse momento”, diz Janaína.

A fonoaudióloga Jéssica Gomes explica como auxiliar as mães na amamentação

Diante de tantas vantagens proporcionadas pela amamentação, apoiar a sua prática torna-se algo mais do que natural. Entretanto, a experiência com a amamentação nem sempre é tranquila para algumas mulheres. As dificuldades enfrentadas vão desde a pega errada, que pode causar dor, até o ingurgitamento mamário, conhecido como “leite empedrado”, quando há uma produção exagerada de leite com seu acúmulo nas mamas. A busca por conhecimento é a melhor forma de passar por esse momento de maneira tranquila. É nessa hora que o auxílio especializado traz alívio e segurança.

Durante este mês, conhecido como Agosto Dourado – mês de promoção, proteção e apoio ao aleitamento materno – o HJV realiza capacitações com seus profissionais, para que sejam multiplicadores de um conhecimento imprescindível às mães. O treinamento aborda os principais aspectos da amamentação. “Às vezes, basta posicionar o bebê da forma correta para uma boa pega. A anatomia das mamas também pode interferir”, explica a fonoaudióloga Jéssica Gomes no primeiro dia da capacitação, realizada nesta segunda-feira, 03 de agosto.

Durante a capacitação, as equipes do 2º Pavimento do HJV e da Neonatologia aprendem as boas práticas para o sucesso do aleitamento materno e os desafios mais comuns entre as 24 e 48 horas de vida do recém-nascido, como posicionamento, pega correta e a translactação, técnica adotada quando a mãe produz pouco leite. Também recebem instruções sobre a ação correta diante de intercorrências frequentes, a exemplo do acúmulo de leite nas mamas e surgimento de fissuras.

A assistente social Neliana Paixão vivenciou uma das dificuldades mais comuns das mães após o nascimento do bebê, o ingurgitamento mamário. Produzia muito leite, sofrendo com a sensação desconfortável de “empedramento” nas mamas. Se não for tratado, o ingurgitamento pode provocar obstrução dos ductos mamários, mastite (inflamação das glândulas mamárias) e redução na produção de leite. Para resolver o problema, a equipe de Fonoaudiologia do HJV orientou Neliana e a acompanhou, auxiliando-a também a promover a pega correta do bebê.